Galeiros do Sul





image

Oração do motociclista


Senhor, cada vez que subo numa moto eu sinto a liberdade e ao mesmo tempo tenho medo de encontrar-Te num destes caminhos perplexos do mundo. Como sou frágil diante da natureza, e ao mesmo tempo me sinto forte e dono de mim, quando estou numa motocicleta.

Mas Senhor, não quero perder minha vida num destes momentos. Quero que o guidão de minha moto esteja sempre firme em minhas mãos, Senhor, e que o capacete que me protege a cabeça, seja a segurança de que preciso, e que Tu, Senhor, seja a minha proteção permanente.

Perdoa-me Senhor, se por vezes abuso da liberdade que me deste e corro alucinado, ou me perco em emoções na velocidade, em busca de respostas...

Permita que a cada dia eu possa sentir a Tua presença na brisa que recebo no rosto, na velocidade e na superação de meus próprios limites, e na responsabilidade da vida que Tu me deste. Quero sentir Tua presença protetora e amiga, pois sei que estás comigo como meu caroneiro.

Protege Senhor, nossas vidas e acolhe junto de Vós os companheiros que já partiram, que eles possam viver as alegrias de estarem Convosco, e que nós tenhamos a esperança de um dia também encontrar-Vos. Protege Senhor, por intermédio de Nossa Senhora Aparecida, nossas motos, nossas vidas, nossos caminhos, para que na certeza de Tua presença, possamos dar-Te glória e louvor, para sempre, amém.

 

 

Autor: Luiz Brambatti - 1979

 

 

 

 

 

Copyright 2017 ©Galeiros do Sul - Todos os direitos reservados.